security tokens, tokens ethereum, ethereum, ethereum based tokens

Saiba mais sobre os tipos de Security Tokens do padrão Ethereum

A tokenização vem ganhando cada vez mais espaço no mercado. É só observar os principais setores que já tokenizam. Entretanto, existem diversos tipos de token disponíveis. E, neste artigo, iremos falar mais sobre os tipos de Security Tokens do padrão Ethereum.

Boa leitura!

O que são os Security Tokens?

Para entender o que são os Security Tokens, basta ter em mente as ações da Bolsa de Valores ou valores mobiliários. Aliás, as ações são bastante comparadas a esses tokens, uma vez que o valor deriva de um ativo externo que pode ser negociado.

Uma característica importante dos Security Tokens é que eles estão sujeitos às leis federais que regem os valores mobiliários. As consequências do não cumprimento da legislação vigente podem incluir diversos tipos de penalidades, até mesmo a descontinuidade de um projeto em desenvolvimento.

Por outro lado, os detentores de tokens que atendem a regulamentação das leis contam com uma variedade de aplicações. A mais promissora delas costuma ser tokens de Participação de Empresa

Outra importante vantagem é que os detentores desse tipo de token geralmente recebem os dividendos de seus investimentos por meio de tokens adicionais!

Security Tokens do padrão Ethereum

Os padrões principais para representar os Security Tokens do padrão Ethereum incluem ERC-20 e ERC-1400. Entretanto, existem alguns padrões adicionais, como o DS Protocol, o R-Token, o T-REX, o SFT e o ERC-1404.

Para que sejam compatíveis com as wallets e as Blockchains, um emissor deve usar os mesmos padrões que os outros players. No entanto, o padrão ERC-20 não permite a aplicação das regras e regulamentos que regem os títulos privados.

Existem algumas opções que os emissores de Security Tokens devem buscar quando estiverem escolhendo o padrão apropriado. São elas:

  1. Compliance Codificada – as regras de transferência estão embutidas nos títulos e nunca podem ser transferidas para um indivíduo inelegível nos mercados primário ou secundário.
  2. Custos Reduzidos – as taxas de liquidação e reconciliação são drasticamente reduzidas com transferências P2P compatíveis.
  3. Títulos Controlados – os emissores permanecem no controle dos tokens, mesmo com a auto custódia do investidor.
  4. Maior Transferibilidade – a redução dos pontos de atrito em toda a cadeia de valor desbloqueia ativos altamente transferíveis.

O protocolo ERC-20 é o padrão original e mais antigo para a emissão de tokens. No entanto, ele tem suas próprias vulnerabilidades e desvantagens. Por exemplo, os tokens poderiam ser retirados do Smart Contract sem possibilidade de recuperação.

Além disso, um investidor poderia não recuperar seus tokens caso os enviasse para uma wallet com um padrão diferente do ERC-20. Ele também poderia não recuperar seus tokens caso perdesse sua chave privada.

Existem também questões regulamentares e de compliance, como a dificuldade de definir todos os procedimentos KYC e AML necessários dentro do padrão ERC-20. Por exemplo, você não pode impor um procedimento KYC para negociação no mercado secundário.

Nesse caso, muitos protocolos alternativos foram desenvolvidos para ajudar a atender às necessidades do mercado de Security Tokens. Todas essas alternativas são compatíveis com o padrão ERC-20, o que significa que podem ser facilmente armazenadas, trocadas e transferidas com infraestrutura ERC-20.

Alternativas para O ERC-20 da Ethereum incluem:

DS Protocol

O DS Protocol é um protocolo de código aberto, que foi desenvolvido pela Securitize especificamente para títulos e oferece suporte a aplicativos de terceiros.

Existem aplicativos DS especiais, que tratam de eventos relevantes relacionados aos direitos econômicos tokenizados (emissão, negociação, geração de tabela de limite, eventos de governança, pagamentos necessários). Este protocolo também possui serviços integrados de conformidade e registro.

Os tokens feitos com o uso deste protocolo são fáceis de serem gerenciados pelos proprietários, que recebem regularmente várias atualizações relacionadas.

R-Token

O R-token é um token do tipo ERC-20 feito pela Harbor com alguns recursos extras adicionados: KYC integrado, AML e serviços de tributação, bem como algumas funcionalidades flexíveis que ajudam o emissor a fazer a configuração regulatória necessária. O padrão R-token permite a criação de títulos regulamentados tokenizados.

T-REX

O T-REX é um protocolo construído na rede Ethereum que foi criada pela Tokeny Solutions, recentemente renomeada como Tokeny Sarl. Embora o T-REX seja baseado no padrão ERC-20, ele tem mais de 100 opções que podem ser usadas pelos emissores para garantir a conformidade e gerenciar o controle para o emissor, agentes e investidores.

SFT

O protocolo SFT, da Hyperlink Capital, utiliza a linguagem de programação Solidity, usada pelos desenvolvedores da rede Ethereum, que torna o SFT parte da rede. Basicamente, este protocolo é semelhante ao ERC-20, com os mesmos recursos confortáveis ​​que permitem construir facilmente um Smart Contracts. No entanto, é mais complexo e seguro e é por isso que permite tokenizar títulos de dívida e com base em ações.

ERC-1404

O ERC-1404 foi desenvolvido pela Tokensoft e é baseado no padrão ERC-1400. Ele é o padrão aprovado de Security Tokens baseado na rede Ethereum. O que significa que ele atende aos requisitos de segurança e conformidade necessários, incluindo KYC e AML embutidos (para o mercado primário e secundário).

Esses são os 5 principais padrões de Security Tokens do padrão Ethereum! 

Esperamos que as suas dúvidas tenham sido sanadas com esse artigo. Não deixe de conferir os outros materiais disponíveis no blog.

Quer saber mais sobre o universo da tokenização e dos criptoativos no Brasil e no mundo? Confira o perfil da Liqi no Instagram

 

Quer receber os nossos conteúdos e ficar por dentro de tudo o que acontece no universo da Tokenização?

Cadastre-se para receber os conteúdos por email

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.